topo frente

A Estatística como instrumento de aprendizagem nas escolas do ensino fundamental.

Unidade responsável: Pró-Reitoria de Extensão e Cultura.
Subunidade responsável: Programa Museu Dinâmico Interdisciplinar (PROMUD).
Processo nº: 907/2005.
Início: 01/04/2005.
Outros órgãos da UEM envolvidos (siglas): CCE/DE.
Apoio: CNPq, FADEC, Receita Federal, Vitae, Secretaria Nacional da Ciência e tecnologia para a Inclusão Social, SER Maringá – Sociedade Eticamente Responsável de Maringá, Lions Club Universitário Integração e Fundação dos Rotarianos de Maringá.

Vitae não compartilha necessariamente dos conceitos e opiniões expressos neste trabalho, que são de exclusiva responsabilidade de seus autores.

Clientela: Professores e alunos do ensino fundamental e médio.

 

Equipe envolvida em 2015:

 

Coordenador: Angela Maria Marcone de Araújo: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.">

Docentes da UEM:  Sebastião Gazola: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. e Clédina Regina Lonardan Acorsi: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Alunos da UEM: Juliana Nascimento.

Técnicos administrativos da UEM:

Ações desenvolvidas no ano de 2015: Foram 1039 beneficiários, dentre eles 599 alunos do ensino fundamental do Colégio Estadual Vital Brasil e 440 alunos, entre Ensino fundamental e 1º ano do ensino médio, no Colégio Estadual Tomaz Edison.

Público alcançado/característica do público:  alunos do ensino fundamental e médio das escolas de ensino público de Maringá e pessoas da comunidade do Distrito de Iguatemi.

Produção científica e técnica (arquivo ou link de resumos apresentados em eventos, artigos publicados, etc):
Divulgações na mídia (matéria escaneada ou link de matéria ou vídeo na internet):

 

Realizou-se um estudo do nível de conhecimento dos alunos de 6º a 9º ano do ensino fundamental do Colégio Vital Brasil (VB) e de 6º ano do Ensino Fundamental ao 1º ano do ensino médio do Colégio Tomaz Edison (TE), baseados nos resultados de uma prova com 5 questões de matemática. O processo descritivo do nível de conhecimento dos alunos e a estimativa de suas habilidades deram-se pela aplicação de análise exploratória de dados. 

Aplicou-se um questionário aos alunos participantes dos dois colégios com questões abordando aspectos familiares e educacionais relacionados à disciplina de matemática. Os resultados mostraram características semelhantes nos dois colégios, tanto no aspecto familiar como educacional.

 

 

Equipe envolvida em 2014:

 

Coordenador: Angela Maria Marcone de Araújo: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Docentes da UEM:  Sebastião Gazola: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. e Clédina Regina Lonardan Acorsi: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Alunos da UEM: Juliana Nascimento.

Técnicos administrativos da UEM:

Ações desenvolvidas no ano de 2014: Foram beneficiados 5 professores e 1044 alunos do ensino fundamental e médio nos Colégios Estaduais Tomaz Edison e Vital Brasil. Houveram beneficiários nas comunidades, 800 no Distrito de Iguatemi e 250 na Vila Esperança. 

Público alcançado/característica do público:  alunos do ensino fundamental e médio das escolas de ensino público de Maringá e pessoas da comunidade do Distrito de Iguatemi.

Produção científica e técnica (arquivo ou link de resumos apresentados em eventos, artigos publicados, etc):
Divulgações na mídia (matéria escaneada ou link de matéria ou vídeo na internet):

 

Neste ano o projeto desenvolveu três ações. Após os levantamentos de dados realizados pelos alunos do Colégio Rui Barbosa no distrito de Iguatemi sobre o tabagismo nos anos de 2007 e 2013, fez-se um estudo comparativo o qual revelou que apesar dos esclarecimentos, palestras sobre os malefícios do cigarro não teve redução do percentual de fumantes, a maior convivência ocorre no meio familiar e não existem diferenças significativas entre os que desejam parar de fumar com aqueles que já tentaram e não tiveram sucesso.

Trabalhando de maneira interdisciplinar com o departamento de Matemática, que desenvolve o programa PIBID nas escolas públicas visando à melhoria do ensino, propiciando monitorias, selecionou-se dois Colégios Estaduais, Vital Brasil (CVT) e Tomaz Edison (CTE) para iniciar o trabalho, na segunda fase do Ensino Fundamental (6º, 7º, 8º e 9º) e 1º ano do Ensino Médio. Além do levantamento de dados sócio econômicos, realizou-se uma sondagem dos conhecimentos em matemática por meio de uma avaliação que revelou, independente do Colégio, um índice muito baixo no número de acertos principalmente no 9º ano. A média do número de acertos foi baixa, em ambos os colégios (inferior a 2,5 questões), diagnóstico este, que servirá como ponto de partida para futuras ações.

Com o objetivo de conhecer o perfil dos idosos de Maringá, realizou-se um estudo piloto na Vila Esperança. Foram entrevistados 104 indivíduos com idade mínima de 65 anos. Destaca-se que a maioria é do sexo feminino; muitos fazem prática de atividades físicas (ATI e alongamento); continuam realizando suas tarefas cotidianas; não precisam de ajuda para tomar remédios contínuos; avaliam a vida atual como ótima, apesar de afirmarem que a situação financeira ficou prejudicada com a aquisição de medicamentos de uso contínuo. Após a análise dos dados, divulgou-se os resultados para a comunidade.

     

 Equipe envolvida em 2013:

Coordenador: Angela Maria Marcone de Araújo: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Docentes da UEM:  Sebastião Gazola: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. e Clédina Regina Lonardan Acorsi: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Alunos da UEM: Juliana Nascimento.

Técnicos administrativos da UEM:

Ações desenvolvidas no ano de 2013: Foram beneficiados diretamente 5 professores  que participaram ativamente do projeto, 400 alunos do Ensino Fundamental e Médio e 1000 pessoas da comunidade do Distrito de Iguatemi.

Público alcançado/característica do público:  alunos do ensino fundamental e médio das escolas de ensino público de Maringá e pessoas da comunidade do Distrito de Iguatemi.

Produção científica e técnica (arquivo ou link de resumos apresentados em eventos, artigos publicados, etc):
Divulgações na mídia (matéria escaneada ou link de matéria ou vídeo na internet):

O projeto desenvolveu duas atividades. A primeira teve por objetivo diagnosticar junto aos alunos do Colégio de Aplicação Pedagógica (CAP) e do Colégio Estadual Rui Barbosa (CERB) suas opiniões em relação ao ensino de matemática, bem como levantar aspectos familiares e verificar o conhecimento de matemática dos alunos por meio de avaliações. As opiniões dos alunos em relação aos aspectos familiares e educacionais, levantados pela aplicação do questionário, deu-se pela aplicação da estatística descritiva. Os alunos (Ensino Fundamental e 1ª e 2ª séries do Ensino Médio) foram avaliados por uma prova de matemática. Comparando o número médio de acertos por turma no período de 2010 a 2013, verificou-se que em 2010 os alunos do CAP obtiveram número médio de acertos superior aos alunos do CERB, exceto para o 7º ano. Dentre as turmas observadas (independente do Colégio que pertence) os alunos do 6º ano apresentaram maior número médio de acertos enquanto que os alunos do 7º ano o menor. Constatou-se que mesmo os alunos que participam do projeto PIBID desde de seu início (2010), no 7º ano o número médio de acertos diminui, porém o número de acertos é superior ao do ano de implantação do projeto. Os alunos do CERB mesmo participando ativamente do projeto PIBID teve número médio de acertos abaixo dos alunos do CAP. Realizou-se uma pesquisa sobre tabagismo no Distrito de Iguatemi, pelos alunos do CERB em parceria com o MUDI. O levantamento, por amostragem, foi realizado em 364 residências. A digitação dos dados foi realizada pelos alunos no MUDI e a tabulação pelos acadêmicos participantes do projeto. Os resultados foram expostos no CERB. A divulgação dos resultados para a comunidade aconteceu no dia da Corrida “Deixe de fumar correndo” realizado em 15 de novembro, com premiações das melhores frases sobre os malefícios do cigarro.


 

Equipe envolvida:

 

Coordenador: Nazaré Barata Mateus - O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.">

Docentes:
04

Acadêmicos:
02

Docentes e técnicos de outras instituições:
01